Florianópolis sedia Festival Internacional de Cinema Socioambiental

imagem-planeta-docFlorianópolis será palco da segunda edição do Festival Internacional de Cinema Socioambiental Planeta.Doc, evento que aborda a temática ambiental e social do mundo contemporâneo por meio do cinema. Com início no próximo dia 26 de outubro, a programação contará com a exibição de 80 premiados filmes nacionais e internacionais, com sessões gratuitas até 13 de novembro.

De acordo com Mônica Linhares, produtora cultural e diretora do festival, o evento busca revelar e debater a dimensão do impacto ambiental das sociedades humanas em todos os continentes, evidenciando inovações nas áreas de energias renováveis, produção de alimentos, reciclagem, construções sustentáveis, saúde, políticas públicas, entre outros temas. “Promoveremos a reflexão sobre as alternativas que estão sendo geradas para melhorar a qualidade de vida no mundo”, explica.

A seleção inclui alguns dos mais importantes filmes socioambientais premiados em festivais internacionais como Sundance, Cannes e Festival de Cinema de Berlim.   Entre as produções internacionais estão ‘Planetary’, de Guy Reid (seleção oficial do Washington DC Film Festival), ‘Love Thy Nature’, de Sylvie Rokab (vencedor do Cosmic Angel 2015), ‘Transgenic Wars’, de Paul Moreira (vencedor do FICA 2015), ‘O Sal da Terra’, de Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado (vencedor do César de melhor documentário). Dos brasileiros, ‘O Menino e o Mundo’, vencedor do Prêmio Cristal de melhor longa-metragem no 38º Festival de cinema de animação de Annecy, na França, considerado o maior prêmio da animação mundial; ‘O veneno está na mesa II’, novo documentário de Silvio Tendler; ‘Desculpe pelo Transtorno: A História do Bar do Chico’, premiado documentário realizado em Florianópolis pelo diretor inglês Todd Southgate.

As exibições serão simultâneas nos auditórios da UFSC, UDESC, Centro Integrado de Cultura (CIC), Sapiens Parque e na Assembleia Legislativa. Por meio da UDESC–Laguna e Cineclube Iphan, as ações também acontecerão em Laguna, no Cine Mussi (SESC), e em Ibirama, estendendo o festival a outras regiões do estado. O Festival Planeta.Doc também estabeleceu parceria com o Programa Mapa das Artes e Culturas da Secretaria Municipal de Educação para levar os alunos da rede municipal de educação da Capital às salas de cinema.  “Desta forma, esperamos contribuir para a promoção do conhecimento entre os alunos por meio da arte”, considera Mônica.

Premiação Planeta.Doc
Também estão abertas as inscrições para a premiação internacional que escolherá os melhores filmes de documentário e animação de curta, média e longa metragem nas categorias Planeta.Doc Internacional (10 filmes vencedores) e Planeta.doc Brasil (5 filmes vencedores). Mais de 500 obras de 66 países já estão inscritas e os interessados têm até o dia 1º de dezembro para enviar o material pela plataforma  https://filmfreeway.com/festival/PlanetaDoc. O júri internacional fará a escolha dos filmes vencedores em janeiro e fevereiro, com entrega dos prêmios em março de 2016.

Fonte: Planeta Doc

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s