história

Quem somos nós

O Sindes é o Sindicato que representa os trabalhadores em entidades sindicais de 1º e 2º graus, associações profissionais e centrais sindicais de Florianópolis e Região Sul. Nosso CNPJ é: 81.329.047/0001-03

Um pouco da nossa história

Fundado em 8 de dezembro de 1988, o Sindes foi criado com o objetivo de construir uma organização que amparasse os trabalhadores em sindicatos e federações de Florianópolis.

Em 23 de novembro de 1995, o Sindes de Florianópolis uniu-se ao Sindes de Criciúma, representando a partir daí os trabalhadores da região Sul do Estado. Nove anos depois, a entidade amplia novamente sua base territorial e passa a representar os trabalhadores de federações e entidades sindicais de Florianópolis, Criciúma, Armazém, Biguaçu, Braço do Norte, Garopaba, Gravatal, Içara, Imaruí, Imbituba, Jacinto Machado, Jaguaruna, Laguna, Lauro Müller, Maracajá, Meleiro, Morro da Fumaça, Nova Veneza, Orleãns, Palhoça, Pedra Grande, Santo Amaro da Imperatriz, São João do Sul, São Joaquim, São José, São Ludjero, São Martinho, Siderópolis, Sombrio, Timbé do Sul,Treze de Maio, Tubarão, Turvo, Araranguá e Urussangua.

Database unificada

A campanha pela unificação da database fez com que as pessoas começassem a ver os empregados de sindicatos e federações como trabalhadores. Em 1993, através de assembleia deliberou-se pela campanha unificada, estabelecendo o mês de setembro com database. Em 1994, o Sindes realizou sua primeira Campanha Salarial Unificada.

Muitos trabalhadores não acreditavam no poder de organização da categoria e muitos sindicalistas, nossos patrões, não reconheciam o Sindes como entidade representativa dos trabalhadores em sindicatos e federações e se negavam a negociar conosco. Essas dificuldades ainda persistem. Mas, passados 27 anos desde a sua fundação, o Sindes é hoje uma realidade e um instrumento que ampara e organiza os trabalhadores.

Categoria reconhecida

No dia 9 de maio de 2006 foi sancionada pelo Presidente Lula a Lei nº 11.295 que garante a nossa organização sindical. Esta Lei alterou o art. 526 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) que estabelece o direito de sindicalização para o empregado de entidade sindical. A redação anterior deste artigo vedava nossa organização.